Reprogramação de uma ECU e seu funcionamento!

Reprogramação de uma ECU e seu funcionamento!

Esta é uma dúvida que ainda persiste para muitas pessoas. Como é exatamente a reprogramação de uma ECU? Como uma ECU funciona em um motor atualmente? Todas essas dúvidas estão para acabar, a MadeForStreet está aqui para esclarecer todos essas dúvidas citadas. Portanto, não deixe de ler este post para elucidar suas ideias e partir para um remap em seu veículo!

O que é uma ECU?

Primeiramente, uma ECU é, em essência, um módulo eletrônico de injeção, que trabalha ativamente no motor. Ou seja, ela é responsável por toda a injeção de combustível no motor. Além disso, ela também é responsável pelo momento de ignição, pressão de trabalho de uma turbina e os limitadores de torque. Portanto, como estes são os principais parâmetros para o funcionamento do motor, eles serão calibrados pela empresa fabricante do veículo.

Como dito antes, esta ECU também é responsável pela injeção correta de combustível para a combustão. Ou seja, ela controla a mistura com base na relação ar/combustível. Por sua vez, poderá enriquecer esta mistura na medida certa, gerando maior perfomance no motor. Por outro lado, pode também empobrecê-la. Ou seja, gerando uma menor potência quando comparado com a real potência a qual o seu motor pode entregar. No entanto, todos esses dados são obtidos com base em um extenso desenvolvimento. Além disso, estão gravados na memória da ECU do seu veículo.

As empresas automobilísticas generalizam a oferta dos motores no mercado, simplesmente pelo controle da ECU. Ou seja, entregando um mesmo motor para modelos diferentes de um carro, um podendo ser até mesmo mais potente que o outro. Isso porque, se utilizam de configurações diferentes para cada uma das ECUs. Ou seja, programando estes módulos para, por exemplo, uma mistura de ar/combustível que seja tanto econômica, quanto potente. Além disso, vale ressaltar que este módulo recebe sinais dos sensores do motor, os quais são inúmeros. Por se tratar de um avançado módulo eletrônico, este é capaz de analisar estas várias informações e decidir os melhores parâmetros, como os citados acima. Ou seja, tornando o veículo altamente responsivo para as várias situações que ele poderá se encontrar.

A reprogramação da ECU!

Agora, dito sobre a ECU dos veículos, vamos comentar sobre as reprogramações destas. Em uma reprogramação de ECU, todos os cuidados devem ser tomados. Isso porque, caso seja feita de forma incorreta, poderá trazer sérios riscos para seu veículo. Esta reprogramação consiste em alterações no software que comanda o módulo, o qual foi projetado originalmente pela montadora do veículo. Portanto, ao sobrescrever com um novo software, este poderá ser configurado de diferentes maneiras. Além disso, pode ser programado para otimizar o desempenho geral do carro de acordo com o desejo do cliente.

O serviço que chamamos de reprogramação de ECU possui diversos outros nomes. Por exemplo, chiptuning, recalibração de ECU, remap, entre outros. Todos esses se referem a um mesmo tipo de processo. Portanto, é interessante ressaltar o que este processo visa. Ou seja, alterar os parâmetros de funcionamento do motor por meio da ECU, visando maior desempenho do mesmo.

Efetuando a reprogramação da ECU

Para efetuar esta reprogramação, conecta-se através da porta OBD do veículo, podendo assim substituir o software que comanda a ECU. Ou seja, resultando em um mapa totalmente customizável do motor, podendo assim fazer melhorias em diversos parâmetros. Portanto, aumentando o desempenho do motor. No entanto, todas estas alterações devem ser realizadas com total comprometimento, sendo necessário muitos testes, assim garantindo as melhoras projetadas.

Portanto, como somos especialistas em reprogramações de ECUs, a MadeForStreet sabe da importância dos testes, como dito acima. Temos os equipamentos e o know-how necessários para este ramo, o qual muitas oficinas desejam. Além disso, todos os testes são realizados em nosso dinamômetro, permitindo total eficiência na entrega de resultados. Portanto, fica a critério do consumidor analisar os ganhos e decidir pela reprogramação de ECU que mais se adequa ao seu perfil. Todos parâmetros são modificados com o objetivo de aumentar a entrega de torque e potência em determinadas situações e também adequar o funcionamento do motor aos upgrades mecânicos instalados.

Além disso, vale ressaltar que os ganhos projetados podem requerir algumas modificações no veículo original. Ou seja, isso fica claro quando falamos sobre os stages de reprogramação, os quais já falamos aqui no blog. Isso porque, qualquer aumento de potência requer, por exemplo, modificações para que o veículo consiga aguentar esta nova condição de desempenho.

Resultados da reprogramação da ECU

Os resultados das reprogramações são significativos, o que resulta em um veículo mais rápido em qualquer situação. Ou seja, gerando mais torque e potência para seu veículo. Além disso, mesmo em baixas rotações o comportamento do carro não será bruscamente modificado. Isso porque, todos as configurações visam a melhor utilização por parte do cliente. Portanto, resulta em um consumo de combustível próximo ao original.

Para mostrarmos alguns resultados, vamos detalhar a preparação de um UP! TSI. Portanto, vale ressaltar que a preparação que fizemos requereu algumas modificações em relação ao carro original. Ou seja, nós da MadeForStreet, recomendamos a troca do filtro de ar original, para um filtro de ar esportivo, o qual possui maior vazão. Além disso, essa modificação pode ser realizada com a mesma caixa que abriga o filtro, garantindo a originalidade do carro.

Além disso, aconselhamos também a instalação de um downpipe, por se tratar de um veículo turbo. Isso porque, com a troca do catalisador original do veículo por um tubo de maior espessura, gera-se um um fluxo melhor dos gases expelidos pela turbina. Não deixe de ver nosso post sobre o downpipe! Portanto, com essas modificações, a utilização de um Stage 2 garante um aumento em cerca de 20 cavalos de potência nas rodas, além de um aumento significativo de torque.

No entanto, há fatores externos que devem ser levados em consideração quanto aos resultados no dia a dia. Por exemplo, o combustível, níveis de emissões, e até condições climáticas podem restringir a performance do motor.

Para uma comparação, além de citarmos os ganhos com o UP!, iremos falar sobre os ganhos da BMW 328i com uma ECU reprogramada. No entanto, são requeridas algumas outras modificações, assim como o UP! requereu. Para este carro, obtivemos os seguintes resultados:

  • Potência Original: 245HP | 258FT / LB
  • Stage 1: 292HP | 332FT / LB
  • Stage 2: 305HP | 351FT / LB

Se você deseja saber mais detalhes sobre a nossa reprogramação de ECU ou sobre os resultados que conseguimos no seu veículo, entre em contato conosco. Será um prazer recebê-los e esclarecer todas as suas dúvidas.

Venha nos conhecer!

ALTARPM – Upgrade no Corsa 1.0 com a MadeForStreet!

Assista ao começo de uma série de vídeos da parceria ALTARPM com a MadeForStreet! Realmente um prazer fazer parte deste projeto! Não perca!

Nosso querido Robson dando uma aula de dicas, por exemplo, sobre remap de ECU, dinamômetro, entre outras dicas! Portanto, não deixe de assistir aos vídeos para obter grandes informações!

Aqui em nosso blog também trazemos informações importantes para você e seu carro, portanto não deixe de ver, nosso post sobre downpipe para seu carro turbo!

Se inscrevam no canal do ALTARPM, e deixe nos cometários o que estão achando dos vídeos!

Até a próxima!

Stages 1, 2 e 3 – As diferenças entre eles

Já comentamos sobre o remap da ECU aqui no blog da Made For Street, portanto aqui vamos explicar os Stages. Stages são nomes que as empresas que fazem a reprogramação utilizam para determinar os níveis de customização dos mapas.

Eles variam de empresa a empresa, porém, normalmente existem os seguintes Stages:

Stage 1

O Stage 1 é o mais básico, normalmente procurado para aqueles que não querem tirar a originalidade do carro. Portanto, ela pode ser instalada isoladamente, não se fazendo necessária outras grandes modificações no carro. Este stage consegue extrair mais potência do motor original, não colocando-o em risco.

Também pode trazer outros benefícios, como destravar os limitadores de torque e de velocidade.

Stage 2

O Stage 2 seria o nível intermediário dos Stages, que traz além de um ganho maior de potência e o destravamento dos limitadores, requer alguns itens adicionais. Como por exemplo, alguma modificação no sistema de captação de ar, downpipe, velas, blow-off, entre outros.

Normalmente procurado por aqueles que já possuem algumas dessas alterações instaladas, porém não obtiveram o resultado esperado. Evoluindo exponencialmente o ganho de potência.

Stage 3

Já o Stage 3, que corresponde ao nível mais alto de customização, possui além das modificações do Stage 3, algumas outras mais pesadas. Por exemplo, turbinas, freios, polias, combustível de corrida, entre outras modificações.

Este stage é recomendado apenas para uso em pistas, pois o uso demasiado do motor neste remap provocará um desgaste prematuro do motor. Tornando-o pouco confiável, que exige revisões e reparos regulares.

Por fim, este último é definitivamente o mais agressivo, além de trazer todas as modificações necessárias no seu carro, é o que provavelmente entregará maior ganho de potência.

Se você deseja saber mais detalhes sobre a nossa reprogramação de ECU ou sobre os resultados que conseguimos no seu veículo, entre em contato conosco, será um prazer recebê-lo e esclarecer todas as suas dúvidas.

Venha nos conhecer!

bmw_carro

BMW 328i – ECU Reprogramada no Dinamômetro

Ajustar o ECU do seu BMW 328I é totalmente possível e seguro com a Made For Street. As características de condução são amplamente melhoradas, proporcionando benefícios adicionais que o seu motor anseia. Com esta programação adicional para ajustar as calibrações do seu ECU, também fazemos alterações no limitador de torque para fornecer uma melhor resposta do acelerador. Nós não removemos sua ECU para ajustá-la. Portanto, todo o trabalho é realizado com segurança através da porta OBDII, por equipamentos e sistemas próprios da Made For Street!

Classificações de potência de manivela:

  • Potência Original: 245HP | 258FT / LB
  • Stage 1: 292HP | 332FT / LB
  • Stage 2: 305HP | 351FT / LB

Quais são os benefícios da Reprogramação com a Made For Street?

  • Primeiramente, a prioridade é o nosso cliente! Todo o trabalho é realizado com muito carinho e dedicação para você!
  • Nossa tecnologia é a mais atualizada do mundo. Além disso, atendemos veículos de todos os tipos;
  • Todas os mapas da ECU podem ser revertidos para o original, se necessário;
  • Com a sintonização do Flash de ECU as peças de desempenho não requerem configuração especial, portanto, se encaixam perfeitamente no mapa da ECU;
  • Adicionando peças como por exemplo, escape, intake, plenum, polia, tudo se ajustará com a melodia do mapa;
  • Se você adicionar combustível com mais ou menos octanagem, a ECU será ajustada de acordo;
  • Podemos mapear qualquer carro do planeta, mesmo sendo para diferentes tipos de octano ou ambientes;
  • Testamos todos os carros de performance no dinamômetro para garantir que o que você recebe é seguro, confiável e lhe trará os resultados que você deseja!
  •  

Quer fazer o mapeamento ?

  • Traga o seu veículo para as nossas instalações, onde podemos usar o nosso equipamento para performar o seu veículo.
  • Procura parceria? Quer revender nosso serviço? Esta em outro estado? Você pode remover a ECU do veículo e enviá-la para nós. Assim que recebermos a ECU, prepararemos o arquivo de ajuste e, em seguida, enviaremos de volta para você para reinstalação. Nós não soldamos ou modificamos a placa da ECU. Toda a sintonização da ECU é feita através de sondas bungy que possuem uma ponta de agulha para fornecer uma conexão elétrica especializada.

Por fim, se quiser uma avaliação de seu carro, seja ele uma BMW, ou qualquer outro, entre em contato conosco, ficaremos honrados em atender você!

Se houver dúvidas, deixe nos comentários!

reprogamacao_ecu

Entenda a reprogramação da ECU do seu veículo!

Aqui na Made For Street o nosso compromisso é o comprometimento, porém, nos dedicamos em informar ao nossos clientes sobre os nossos serviços, isso inclui a reprogramação da ECU!

Afinal, o que é uma ECU?

A ECU (Eletronic Control Unit) é um computador que recebe dados do veículo por sensores. Por exemplo, todos os carros atualmente possuem a injeção eletrônica, que por sua vez é controlada pelo computador, a ECU.

Ela é programada para receber os sinais dos sensores, lê-los, analisar, e por fim decidir quais os parâmetros mais adequados para o seu veículo.

Por exemplo, a quantidade de combustível que será injetada, o momento de ignição, pressão do trabalho da turbina e os limitadores de torque. Estes são os principais parâmetros de funcionamento do motor que são calibrados pelo fabricante com base no desenvolvimento do carro, e por sua vez, estão gravados na memória da ECU.

Agora, a reprogramação da ECU

Bom, agora que temos ideia do funcionamento da ECU, podemos pensar sobre a reprogramação da mesma.

Atualmente, esta reprogramação se tornou um serviço requisitado para se obter um ganho de desempenho do veículo por vários motivos. Dentre eles, a execução relativamente rápida, baixo risco de quebra de motor, entre outros.

Para entendê-la, vamos do início: Antigamente os veículos não possuíam tantos componentes eletrônicos como os de atualmente. O carburador era o responsável por alimentar o motor com a mistura de ar e combustível. Por outro lado, o distribuidor era o responsável por definir o momento correto da ignição em cada cilindro.

Se quisesse um aumento de performance, ela seria seguida de ajustes detalhados no carburador e no distribuidor. Tudo isso para adequar a alimentação do combustível e a ignição ás novas condições impostas ao motor.

Com a criação da injeção eletrônica, veio a ECU, um “cérebro” para fazer o controle destes parâmetros. Sendo assim, possível aumentar a entrega de potência e torque apenas modificando ela.

Resultado da Reprogramação

Temos diferentes tipos de remap, onde preparamos os carros para a rua ou pista. Os diferentes tipos são chamados de Stages, com início no 1, uma modificação mais amena, para carros de rua. Indo até o Stage 3, onde buscamos um ganho significativo na potência e torque, mirando o uso em uma pista.

Trata-se de um processo detalhado e extenso, pois todas as modificações devem ser testadas á exaustão, além de muito critério, garantindo que o aumento do desempenho será linear e não haverá riscos de quebra de componentes originais.

Se você deseja saber mais detalhes sobre a nossa reprogramação de ECU ou sobre os resultados que conseguimos no seu veículo, entre em contato conosco, será um prazer recebê-lo e esclarecer todas as suas dúvidas.

WhatsApp chat